Posted quinta-feira, 19 de maio de 2011 by KkPaulino


Não se admire
se um dia,
um Beija Flor
invadir, a porta da sua casa, te der um beijo e partir...
Fui eu que mandei o beijo
Que é prá matar meu desejo
Faz tempo que não lhe vejo
Ah! que saudade docê...
Faz tempo que não lhe vejo
Quero matar meu desejo
Lhe mando um monte de beijo
Ah! que saudade sem fim...

0 comentários:

Postar um comentário