Posted sexta-feira, 13 de maio de 2011 by KkPaulino

Tenho fases, como a lua 
Fases de andar escondida, 
fases de vir para a rua... 
Perdição da minha vida! 
Perdição da vida minha! 
Tenho fases de ser tua, 
tenho outras de ser sozinha. 

Fases que vão e vêm, 
no secreto calendário 
que um astrólogo arbitrário 
inventou para meu uso. 

E roda a melancolia 
seu interminável fuso! 
Não me encontro com ninguém 
(tenho fases como a lua...) 
No dia de alguém ser meu 
não é dia de eu ser sua... 
E, quando chega esse dia, 
o outro desapareceu...



Cecília Meireles!

2 comentários:

  1. * Verinha *

    Esse poema de Cecília Meireles é mesmmo fabuloso!

    Beijoquinhas super em seu coração e um lindo fim de semana para vc!

    Verinha

  1. KkPaulino

    Obg minha querida!!
    Desejo o mesmo á você!

Postar um comentário